Documentos, supostamente, provam que a Huawei fez comércio ilegal com o Irã

Uma fonte ainda afirmou que a companhia também vendeu equipamentos de telecomunicações à SíriaNo último mês de dezembro (2018), a CFO da Huawei, Meng Wanzhou, foi presa no Canadá, a pedido das autoridades norte americanas, acusada de ter fraudado o sistema bancário global. De acordo com os EUA, Meng mentiu sobre a Huawei ter feito negócios com o Irã durante o período em que os americanos mantinham sanções comerciais sobre o país.Agora, a Reuters descobriu documentos no Irã e na Síria que ligam a Huawei a duas pequenas empresas: a Skycom Tech Co Ltd., com sede em Teerã, e a Leia tudo…

Fechar Menu

Fique por dentro!

Receba nossas novidades direto no seu email!
QUERO RECEBER!
Fechar
Fique por dentro!